Estive procurando algum documento oficial sobre melhores praticas para aplicação de Service Pack, Cumulative Update e Hotfix do SQL Server e não encontrei nada oficialmente.

Por isso resolvi criar algumas dicas sobre o assunto:

Regras básicas para aplicação são:

“The risk of implementing the service pack, hotfix and security patch should ALWAYS be LESS than the risk of not implementing it.”

“You should never be worse off by implementing a service pack, hotfix and security patch. If you are unsure, then take steps to ensure that there is no doubt when moving them to production systems.”

Melhores Praticas

  • Usar um processo de controle de mudança
  • Ler toda a documentação relacionada
  • Aplicar as atualizações somente quando necessário.
  • Testar
  • Plano para desinstalar
  • Consistência entre os clusters
  • Agendar donwtime do ambiente
  • Ter plano de Backup
  • Ter plano de Rollback
  • Informar Key Users
  • Nunca ficar mais de 2 Service Pack atrás do ultimo
  • Aplicar primeiramente em ambientes não críticos

Service Pack e Cumulative Update

  1. Revisar o arquivo Readme para o Service Pack, Cumulative Update, Hotfix. Quaisquer preocupações ou recomendações serão encontradas nesse arquivo;
  2. Executar o comando DBCC CHECKDB em TODOS os databases (user e system databases) e garantir que nenhum erro foi reportado;
  3. Realize Backup de TODOS os databases (user e system databases) e Full-Text Catalogs (se aplicável). Não é requerido, mas é altamente recomendado;
  4. Parar o monitoramento e serviço de antivírus;
  5. Certifique-se de ter permissões apropriadas para instalar (Privilégios de administrador no Servidor/Cluster Node);
  6. Os pontos abaixo são para instancias em cluster do SQL Server:
    • Certifique-se que TODOS os recursos SQL vêm online em TODOS os nós do cluster;
    • Certifique-se que todos os recursos de disco (mesmo os que não estão sendo usados pelo SQL Server) estão online e não estão em estado de falha;
    • Verifique se não há outras dependências além daquelas que são criadas pela instalação do SQL Server sobre os recursos do cluster do SQL Server;
    • Certifique-se que todas as conexões remotas estão fechadas. Você pode se conectar ao nó com Remote Desktop Connection, mas você deve desconectar quaisquer conexões remotas para outros nós do cluster.
    • Verifique se o MSDTC está corretamente clusterizado.
    • Aplique o Service Pack somente para aquela instancia que você planejou (no case de múltiplas instancias)
  7. Aplicar primeiramente em um ambiente SQL Server de Desenvolvimento/Teste;
    • Depois de ter confirmado que todas as aplicações estão funcionando como esperado, instalá-lo no ambiente de produção do SQL Server;
    • Esse processo de testar as aplicações deve ser em um período de no mínimo 30 dias;
  8. Reiniciar a instancia do SQL Server.
  9. Verifique todas as entradas no SQL Server Error Log sobre o Service Pack instalado e garanta que não haja erros.
  10. Verifique Service Pack level na Instancia SQL Server
  11. Envie um e-mail para Key Users informando que o Service Pack foi aplicado e SQL Server está funcionando perfeitamente.

Hotfix

  • Consistência de Service Pack
  • Não aplicar um hotfix até ter todos os Services Packs instalados;
  • Instalar o ultimo Service Pack ao invés de múltiplos hotfixes;
  • Se várias correções devem ser aplicadas e estas estão no Service Pack mais recente, deve-se aplicar o Service Pack mais recente ao invés de aplicar vários hotfixes, a menos que as questões relacionadas com o último Service Pack possam causar problemas para o servidor;

This is Tiago Balabuch's website, and this is a bit of copy about him. He is enthusiast, fascinated, passionate, fanatic by SQL Server and in the off-hours a Data Engineer who loves what he does and he is traveling in the cloud and surfing on the wave of the moment called Azure! Originally from Brazil and with encouragement from family and friends, Tiago moved to Europe in 2017 where lives in Ireland. In addition to being a data engineer, he is also active speaker in the SQL PASS events and keeps up to date on the key technologies and technical certifications. Tiago hold these certification MCT, MCSE - Data Management and Analystics, MCSA - SQL Server 2016/2014/2012. Simply psychedelic and manic he is just one more freak who likes SQL Server and its new features ...

Responda